Prótese de Silicone (Aumento das Mamas)

O que é?

Um dos procedimentos mais procurados pelas mulheres, a cirurgia de aumento de mama utiliza implantes para dar volume aos seios e/ou restaurar o volume mamário perdido após perda de peso ou gravidez.

 

 

Clique AQUI para ver o VÍDEO de sua cirurgia.

Para mulheres insatisfeitas com o tamanho da mama, podendo aumentar o tamanho, projeção, equilíbrio da mama com o corpo, reconstruir e melhorar a autoestima.

Passo 1 – Anestesia

A anestesia administrada antes da cirurgia pode ser sedação intravenosa com anestesia local, anestesia peridural ou anestesia geral. O médico irá analisar o que for melhor para cada paciente.

Passo 2 – Incisão

São feitas incisões em lugares estratégicos para minimizar a visibilidade da cicatriz. Junto ao paciente, o médico irá discutir as opções de incisão focando no objetivo desejado.

Dentre as alternativas, estão a incisão inframamária, a transaxilar e a periareolar. Elas variam de acordo com o tipo de implante, o volume desejado, as particularidades anatômicas e a preferência do cirurgião. O tamanho varia de 3 a 5 centímetros.

Passo 3 – Escolha dos implantes

O cirurgião vai conversar sobre as expectativa do paciente. O tipo e o tamanho do implante mamário não são apenas pelo aumento, junto a isso também é pensado na elasticidade da pele, anatomia e tipo físico. As próteses podem ser anatômicas, redondas ou cônicas e o tipo da superfície pode ser lisa, texturizada ou poliuretano. Perfis altos, extra altos ou naturais fazem parte de cada indicação.

Passo 4 – Colocação do implante

Após a incisão, será decidido o local onde a prótese mamária será inserida. As opções são embaixo da glândula mamária, atrás do músculo peitoral ou dual plane.

O método de escolha de inserção dos implantes pode depender do tipo de implante, volume pretendido, particularidades anatômicas e recomendações do médico.

Passo 5 – Fechando as incisões

As incisões são fechadas com suturas por camadas no tecido da mama, colas ou adesivos para fechar a pele.

 

O acompanhamento do médico é essencial para a recuperação da cirurgia. Serão indicados remédios que vão ajudar a diminuir o risco de infecção, dor ou qualquer problema pós-operatório. É importante a imobilização dos membro superiores nos primeiros 15 dias.

Orientações Gerais:

  • Manter o sutiã/body pós-operatório por 30 dias. Só tirar para tomar banho.
  • Exposição ao sol: Após 45 dias ou desaparecimento completo de manchas.
  • Ambientes quentes: Após 30 dias pois pode aumentar o edema.
  • Atividades físicas: Após 30 dias.
  • Banho: Após 7 dias.
  • Pegar peso: Após 45 dias.
  • Dirigir: Após 15 dias.
  • A avaliação do resultado será feita após 3 a 6 meses e avaliação da cicatriz após 1 ano. Este é o tempo para se chegar ao resultado final.

Um corpo mais equilibrado e o aumento da autoestima são os principais benefícios que o aumento das mamas proporciona para as mulheres.

É importante lembrar que o resultado da cirurgia de aumento de mamas não é permanente e substituições podem ser necessárias ao passar dos anos. O paciente deve fazer acompanhamento com o cirurgião plástico para discutir mudanças em seus seios.

No decorrer do tempo, o resultado pode mudar devido ao envelhecimento, oscilação do peso, fatores hormonais e a gravidade.

Ver todos os procedimentos
× Como posso te ajudar?